"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

terça-feira, maio 19, 2009

Benjamin do terror!

Obama pide a Netanyahu un Estado palestino
El presidente de EE UU se niega a poner plazos a la negociación con Irán para que renuncie a su programa nuclear como pretende
Obama apoyará la creación de un Estado palestino y exige el fin de los asentamientos

Barack Obama y Benjamín Netanyahu demostraron ayer estar tan lejos en su visión de Oriente Próximo como sus diferentes biografías y proyectos políticos anticipaban. El presidente norteamericano se negó a fijar un plazo exacto para que Irán renuncie a las armas nucleares e insistió en la necesidad de un Estado palestino. El primer ministro israelí discrepó sobre ambos cruciales asuntos y dio paso a una nueva era de relaciones entre Israel y Estados Unidos en la que la urgencia de un acuerdo está a la altura de su improbabilidad.
El Pais online de Maio 19, 2009



Um Benjamin que não faz nem nunca fez jus ao nome! Bem pelo contrário infelizmente!

Valha a verdade que Obama não deve estar para alimentar ou amamentar as pretensões terroristas do presente governo racista de Israel (este ou os anteriores governos Israelitas, venha o diabo e escolha).



Vai daí e sem apelo nem agravo, toca de por o Benjamin de sobreaviso: reconhecimento de um Estado Palestiniano e nada de aventuras com a República Islâmica do Irão.

Para aos Palestinianos as coisas não vão ser fáceis.
É fácil aos Falcões Israelitas destruir quem não tem meios, quem não se pode defender ou está de mãos atadas!
A Israel, está-lhes no sangue, faz muito tempo a execução de semelhantes actos!

Mas já com os segundos; bem, uma aventura que seja e como diz o Ahmadinejad, talvez se lhes acabem as peneiras de uma vez por todas!



Entretanto nada, mas mesmo nada altera o poder de adaptação dos Palestinianos que no meio da desgraça a que obrigatoriamente estão sujeitos (para além de suportarem o terror Israelita ainda "levam" com a cobardia da Comunidade Europeia), arranjam tempo para organizar um Festival de Musica!
É que há muito tempo perdeu-se o medo dos assassinos! Mesmo a paredes meia com o Muro da Vergonha Israelita!
E ainda bem, é bom sinal! É sinal que as coisas vão (têm que) mudar!


Vamos ver o que vai dar!

Sem comentários: