"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

quarta-feira, março 19, 2014

Israel e a sua "pax"

Israel prepara guerra contra o Irão sem esperar pelos EUA.
A guerra de Israel contra o Irão já está orçamentada: os seus preparativos devem custar em 2014, tal como tinham custado em 2013, o equivalente a 2.890 milhões de euros. A fundamentação política da decisão foi dada pelo ministro israelita da Defesa, Moshe Ya'alon: "No regateio do bazar persa, os iranianos foram melhores [do que os EUA]. Por isso, neste assunto temos de fazer como se não tivéssemos ninguém mais para olhar por nós".
RTP 19/03/2014


Defensores da teoria do fazer guerra para atingir a paz,, tal como os Nazis diriam nos velhos tempos dos Progroms, eis que aumenta o apetite em bombardear, destruir e aniquilar que primorosamente os Sionistas de Netanyahu seguem by the book.

Depois venham os seus defensores berrar aos quatro ventos que os "maus" são os outros, cuja imaginária faceta é a destruição do auto denominado povo eleito.

Enfim, perante o cenário de um Ocidente cada vez mais a ver este Mundo começar a andar noutra direcção sem que tenham qualquer possibilidade de o virar de feição e a hipótese de terem de gastar nada mais nada menos do que 2.890 milhões de euros, Israel e o seu governo sionista pretende por em risco o seu Povo e aventurar-se numa guerra contra um Irão que ou duvido muito ou não irá permitir nem perdoar qualquer leviandade no seu território.

Um dia virá que quando estes senhores, depois do tanto mal que fazem, tiverem necessidade de fazer a Paz verdadeira, ninguém os ouvirá e ninguém lhes perdoará.
Está escrito!

Sem comentários: