"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

sábado, novembro 23, 2013

Rafael Marques, deixe-nos em paz

Rafael Marques quer reabrir processo do "vice" de Angola
Despacho de arquivamento de inquérito diz que ainda estão em curso muitas perícias financeiras.
Público 23/11/2013


O jornalista e activista angolano Rafael Marques deve ter em atenção que os seus problemas de ódio que o movem contra o MPLA, sejam eles ressabiamento, dor de cotovelo, teimosia e também alguma estupidez latente, não devem, não podem, nem permitiremos que sirva para contrariar as relações entre os dois Estados, sejam elas económicas, culturais ou políticas.

Já se percebeu e RM deveria saber que Portugal estremece e quase se desintegra, quando Luanda suavemente espirra:
Este senhor não tem o direito, nem iremos permitir, que leve o nosso País a sofrer mais que aquilo que presentemente está a sofrer com a maldita crise económica.

Desenrasque-se de outra maneira, mas não envenene mais o que de bom existe entre Portugal e Angola.
Não se esqueça dos duzentos mil compatriotas MEUS que trabalham, vivem e ajudam Angola a evoluir.

Se RM não gosta dos Angolanos, do seu Povo, por ser apátrida, eu ao contrário gosto demais do meu Povo e do meu País, mesmo sabendo que neste momento contesto e contestarei sempre NA MINHA TERRA, tudo aquilo que não achar correcto para o bem estar dos Portugueses.

Tenho Pátria não sou apátrida.
Jamais levantaria um dedo contra ela.
Por ela tudo!

Deste modo procure apoios em países ricos, poderosos e com interesses em Angola, tais como a China, Rússia, Brasil, RSA e outros.
Talvez encontre quem lhe dê ouvidos e os apoios que deseja, o que sinceramente duvido.

Aceite a nossa generosidade, hospitalidade e compreensão, tudo o que nós podemos de momento oferecer, mas deixe-nos da mão com os nossos próprios problemas
Ao mesmo tempo deixe-se de esconder cobardemente atrás de quem não tem força nem poder.
Agradecemos!

Sem comentários: