"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

domingo, novembro 24, 2013

Adeus cinema KING

Cinema King, em Lisboa, deve fechar no domingo
Actualização do valor da renda ditou encerramento do espaço. Os postos de trabalho estão garantidos.
Público 24/11/2013


Adeus companheiro King
Lá tenho eu de me sujeitar às imposições dos orçamentos e ter de aceitar sem apelo nem agravo o fecho de uma sala de cinema que eu, longe dos habituais gostos das maiorias cinéfilas, me via alegremente forçado a visitar.

Alegremente porque o King dava filmes não vistos noutros cinemas.
Filmes de autor, filmes alternativos, filmes de países que erradamente pensamos não terem cinema de jeito, mas após uma primeira análise concluímos, sem qualquer favor serem tão bons ou melhores, para muito melhor, do que habitualmente nos impingem e alienam outras casas denominadas de eleição!

Para além dos países cuja industria cinematográfica são evidentemente fortes (Rússia, França, Inglaterra, Itália, etc) consegui ver e maravilhar-me com obras provenientes da Noruega, Dinamarca, Sérvia, China, Tunísia, Nova Zelândia, Mongólia, Marrocos, etc e obviamente do Irão (neste caso mesmo muito)!

Dado que renego quase que violentamente, os cinemas de enlatados e as estuporadas obras ditas cinematográficas que os Centros Comerciais da nossa desgraça nos oferecem, lá terei eu de puxar os cordões à bolsa e adquirir aquilo que não encontro nos meios comerciais ou se possível tentar fazer downloads à ganância dessas obras!

Custa-me saber mais esta notícia e a obrigação em nivelar por baixo o tipo de oferta cinematográfica que nos impõem!
Mas é a vida.
Há seguramente coisas piores neste País. A começar por quem nos governa e nos aterroriza diariamente, tal como uma película de Tarantino!

Sem comentários: