"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

domingo, fevereiro 28, 2010

A Natureza

Um dos mais violentos sismos dos últimos cem anos provocou pelo menos 300 mortos no Chile

in Público online de 28/02/2010

Um desastre natural é uma catástrofe que ocorre quando um evento físico perigoso (tal como uma erupção vulcânica, um terremoto, um desabamento, um furacão, ou algum dos outros fenômenos naturais listados abaixo) faz danos extensivos à propriedade, faz um grande número vítimas, ou ambas. Em áreas onde não há nenhum interesse humano, os fenômenos naturais não resultam em desastres naturais. (Wikipedia)

A Natureza não é contemplativa.
A Natureza não perdoa. Aliás, não tem que perdoar!
A Natureza não tem de ser aquilo que nós queremos e ainda bem. Permite alterações míinimas ao seu desenvolvimento normal e..........natural!
A Natureza é cruel porque cruel é o seu caminho para que o equilíbrio do meio micro e macro cósmico se mantenha de acordo com as suas Leis!
A Natureza não se dobra aos mesquinhos interesses do ser Humano, muito menos a deuses menores criados e adorados por esses mesmos seres Humanos.
Enquanto não se aceitar esta verdade insofismável, vamos continuar a sofrer pelas asneiras que fazemos.
Vamos continuar a chorar em vão os nossos mortos ou feridos que padecem dos "males" que a Natureza provoca!
Tão simples como isso!

quinta-feira, fevereiro 25, 2010

José Carlos Morgado - Querido Irmão

Querido Irmão

23/02/2010 CLUBE
Ex-director do Jornal
Faleceu Carlos Morgado


José Carlos Resendes Morgado, um dos antigos directores do Jornal ‘O Benfica’, faleceu na segunda-feira à noite. Tinha 59 anos.


A Morte não é nada.
Eu estou apenas noutro lado.
Eu sou eu, tu és tu.
Aquilo que éramos um para o outro continuamos a ser.
Chamem-me como sempre me chamaram.
Falem-me como sempre me falaram.
Não mudem o tom da vossa voz, nem façam um ar solene ou triste.
Continuem a rir daquilo que juntos nos fazia rir.
Brinquem, sorriam, pensem em mim. Rezem por mim.
Que o meu nome seja pronunciado em casa como sempre foi, sem qualquer ênfase, sem qualquer sombra.
A vida significa o que sempre significou.
Ela é aquilo que sempre foi.
O “Fio” não foi cortado.
Porque é que eu, estando longe do vosso olhar, estaria longe do vosso pensamento?
Espero-vos, não estou longe, somente do outro lado do caminho.
Como vêem tudo está bem.
(Henry Scott Holland)

Viverás sempre no meu coração,
Serás sempre um exemplo para mim,
O teu sorriso e o teu olhar doce ficará gravada em mim como a mais bela imagem dos meus olhos.

Descansa em Paz.
Talvez não falte muito para o dia do nosso encontro!

segunda-feira, fevereiro 22, 2010

Frases que caem bem ouvir!


James Ellroy
"Poder dar um tiro em alguns mafiosos - isso, sim, far-me-ia feliz"
17.02.2010 - Luís Maio
James Ellroy


James Ellroy assume que é homem à altura dos homens dos seus livros: autoritário e com forte fixação em mulheres; homem de consciência, mesmo se a conduta pessoal não é a mais correcta. Foi uma entrevista tensa e musculada - faz justiça à fama de génio contorcido do escritor a que Joyce Carol Oates chamou "o Dostoievski americano".

In PÚBLICO online de 22/2/2010

Há frases que caem bem ouvir.
Há frases que gostaríamos de ser nós a dizer, já que a pensar passamos de imediato à acção, sem apelo nem agravo
.

Nesta entrevista a James Ellroy, está estampado o que em muitos de nós trespassa quase que diariamente, nestes dias que têm decorrido.
E eu não fujo à regra, pois aqui para nós que ninguém nos ouve, o quanto eu comungo desta opinião e desabafo de James Ellroy!

Schiiiiiuuuu!
É melhor ficar por aqui.
Contenção, prudência e bom senso convém nestas alturas de muitas e variadas escutas!
Enfim. Estou-me nas tintas!

sábado, fevereiro 20, 2010

Dr. Fernando Nobre



Confesso que fiquei imensamente feliz ao tomar conhecimento da candidatura do Professor Doutor Fernando Nobre.
Simultaneamente senti uma angústia tremenda ao saber que um Homem como o Dr. Fernando Nobre pode ser envenenado pela casta terrorista da Comunicação Social, pelos padrinhos mafiosos dos políticos, dos partidos e pelo poder vampiresco dos Tribunais deste País de perfeitos anormais.

Se ao saber a notícia da sua candidatura senti essa enorme alegria, não foi menor a tristeza e a dor ao prever que um Homem com um sentido humanista, de solidariedade ímpar e portador de uma profunda bondade, possa ser atingido um dia pela tremenda sujidade e veneno que os malditos "poderes" acima referidos o possam inundar, abafar e absorver.

Bem sei que esta candidatura supra partidária representa um potente murro nas aspirações maquiavélicas dos partidos que hoje conspurcam a sociedade portuguesa.
Podem conter perigos de alienação pessoal portadores de unicidades não muito aconselháveis.

Mas com base no triste quadro político que hoje se nos depara, só fica provado que este tipo de regime é tão mau, tão vil, tão corrupto e tão hipócrita como qualquer outro mau regime (mesmo aqueles que nós, sem conhecimento de causa, acusamos de ditaduras).

Só lhe desejo o melhor que a vida possa dar assim como ele deu aos outros e dá o melhor da sua vida!
Que jamais seja politicamente correcto quando se deve ser Humanamente correcto!
São os meus sinceros desejos

sexta-feira, fevereiro 19, 2010

Israel, a 'peace' loving state??

Israeli Mossad Assassination footage in Dubai Hotel




Yes, Israel is a 'peace' loving state.
Those are the results of a state which foundation and existence was based on crime, terror and racism!
More words are not needed!

Começam já a sacudir a água do capote?

Audição na Comissão de Ética
Jornalista do "Sol" diz que tentaram pressioná-la, mas não do gabinete de Sócrates

A jornalista do semanário Sol, Felícia Cabrita, disse hoje que foi alvo de várias tentativas de pressões ao longo da sua carreira, principalmente a partir do caso Casa Pia, mas nunca directamente do gabinete do primeiro-ministro.
Público online de 19/02/2010

Já começam a sacudir a água do capote. (link)
O "disse que disse" mais o "acho que disse", "o penso que disse" e outras tantas afirmações "inteligentes" dos nossos jornalistas começam a provar, o que se luta por um lugar ao Sol.

Como profissionais de uma casta (link), onde na maior parte dos casos tudo se tolera desde as aldrabices, a incompetência atroz, o bota abaixo, os favores por debaixo da mesa e ao telefone, etc, etc, tem despudoradamente havido permissão para tudo em nome de uma dita Liberdade de Imprensa,

Mais não é do que um verdadeiro embuste atrás do qual se escondem e vagueiam alguns maganos com a única finalidade de obterem protagonismo e favor político a baixo preço.

Pura prostituição aos partidos mas acima de tudo aos grandes interesses económicos que é quem realmente manda neste país, tão pequenino em área como em princípios éticos.

Vamos continuar impavidamente a assistir à perigosa e irresponsável palhaçada de alguns papagaios jornalistas/comentadeiros, haja "Sol" ou não!

Foi assim que em certas épocas começou a intolerância!

quinta-feira, fevereiro 18, 2010

Convençam-me do contrário se forem capazes!


Candelabro hebraico sobre metralhadora abre polémica na ARCO
17.02.2010 - 17:09 Por PÚBLICO


As esculturas do espanhol Eugenio Merino que integram a feira de arte contemporânea ARCO, que hoje abriu portas em Madrid, estão a causar mal-estar junto da representação diplomática israelita na capital espanhola. Dois dos trabalhos do artista, uma que representa três crentes, um muçulmano, um cristão e um judeu, e um menorá sustentado por uma metralhadora, levaram a embaixada de Israel a emitir um comunicado a condenar as obras.

Cada um que interprete à sua maneira.
É livre de o fazer embora essa liberdade individual seja hoje mais do que nunca etérea e virtual!

Quanto a mim, se israel se sente incomodado, lá terá os seus pesos de consciência bem violentos com base nas atrocidades terroristas que usou e na sua pretensão em perpetuar uma ocupação ilegítima e assassina na Palestina.


Caso ainda possa ter liberdade para o afirmar e escrever aos quatro ventos enquanto for possível, para mim este "atrevimento" do escultor espanhol Eugenio Merino, não é nada mais do que o modo como ele e muitos de nós vemos, a não ser os cegos de ideias, a maldição que o mundo tem vivido (principalmente o Médio Oriente) desde que há sessenta anos os Ingleses fabricaram um estado pária que vive exclusivamente virado para si próprio, racista, segregacionista, terrorista e alimentado por quarenta milhares de milhão de dollars anuais do Orçamento Geral dos EUA.

Convençam-me do contrário se forem capazes!

quarta-feira, fevereiro 17, 2010

Esperem pela volta!



Audições começam esta quarta-feira
PS envolve Cavaco e leva caso da alegada vigilância a Belém para o Parlamento
O PS e o Governo estão apostados em aproveitar as audições parlamentares relativas à liberdade de expressão e ao alegado plano governamental para controlar os media para abrir uma nova frente de conflito com a Presidência da República. A tentativa de envolver Belém traduz-se na lista de pessoas que os socialistas querem ouvir no Parlamento e que será aprovada amanhã, na reunião da comissão de Ética, com os votos favoráveis do Bloco de Esquerda (BE) e do PCP.

Público online de 17/02/2010

Não estariam à espera que Sócrates cruzasse os braços e quieto fosse desancado de alto a baixo como nunca alguém neste País de linguarudos e do "disse que disse" usualmente e normalmente agem!?

Por agora ainda o boomerang vai na viagem de ida.
Esperem até voltar e talvez se arrependam! São os meus profundos desejos.

terça-feira, fevereiro 16, 2010

Talvez um pouco de cuidado!!!

Clausurada una exposición que muestra a un Jesús gay

FERNANDO VALVERDE - Granada - 16/02/2010
in El País de 16/02/2010


Há que ter algum cuidado.
Mesmo quando se pensa estarmos a infringir a liberdade de informação convém pensar na Liberdade Individual e num princípio que assiste a qualquer um de nós; a indignação ou o contestar algo que foge a um sentimento hoje em dia nas ruas da amargura: o bom senso (mesmo que seja só um bocadinho)!

De resto, fogo à peça!

terça-feira, fevereiro 09, 2010

Na balda!

Reacção de Sócrates:
Sócrates condena “acto criminoso e ilegal” de divulgação das escutas
O primeiro-ministro condenou hoje a divulgação das escutas no âmbito do caso "Face Oculta" divulgadas pelo semanário "Sol", classificando-a como um “acto criminoso e ilegal” não só “contra a privacidade” mas também “contra a justiça”.


Uma grande balda, é o que se está a tornar este País.
in Público online de 9/2/2010
Uma angustia!
Num momento que, em queda livre resvalamos para a degradação como Povo e como País, no momento em que lá de fora nos apresentam um cartão vermelho devido às baldas dos gastos privados a que nos habituámos e aos empréstimos para tudo, responsável por aquela "arrogância" da treta com que, nos olham lá de fora com um tremendo ar de gozo, alguns andam preocupados com assuntos mesquinhos e banais do disse que disse, do espreita pela frincha da porta e pelo buraco da fechadura, sem termos a noção do precipício económico em que já caímos.

O jornalismo de sarjeta e de retrete turca (para meter mais náusea) com que nos inundam diariamente, afina as facas para acabar com o português vulgar!

O que se está a passar é uma agressão e um aproveitamento baixo de alguns maganos que utilizando a liberdade de imprensa, pretendem única e exclusivamente denegrir a imagem do 1º Ministro ou seja quem for.
Tanto faz.

Repare-se que são sempre os mesmos jornais, os mesmos jornalistas, os mesmos comentadores, os mesmos papagaios e as mesmas "associações" a denegrir a imagem de um Governo!

Alguém acredita que se houvesse controlo nos media essa gente poderiam dizer as barbaridades que diariamente diz?

Em Portugal sempre fomos afectos a actos mesquinhos, sendo essa outra das principais razões do nosso latente atraso e do modo como queremos continuar a viver.

Será melhor realmente o Governo em bloco demitir-se, bater com a porta e deixar "isto" entregue à maltosa na situação em que sempre gostou de viver: na balda!

Esperança é algo que já não existe em Portugal!

segunda-feira, fevereiro 08, 2010

"Ajuda" a Ghaza???



Como em tudo na vida, há sempre quem ganhe com a miséria e a infelicidade dos outros.
No caso de Gaza, um mal nunca vem só, mas o pior ainda é quando este vem do seio "familiar", bem lá de dentro de casa.

Se os inimigos são para confrontar e tentar neutralizar (ou abater), então dos "familiares" que agem do mesmo modo não sei qual deve ser a paga.

Ou seja; que os sionistas façam de gato sapato os Palestinianos, já é de esperar, pois há sessenta anos que andam nisto e temos sempre esperança que venham um dia a acabar.
Agora quando os primos ou irmãos nos enfiam a faca nas costas, aí já o caso muda de figura.
E é isto que historicamente divide a Nação Árabe.
E assim não há volta a dar!

domingo, fevereiro 07, 2010

Elogios merecidos

Constitucionalista português elogia especialistas angolanos
Fonte: TPA - Editado por AD
Friday, 05 February 2010

in Angola digital de 7/02/2010
Aos poucos vão-se capacitando que o facto contínuo de falar mal de "isto" e "daquilo", hábito tão lusitano que evidencia uma anti cultura ancestral, não vai continuar a dar.
É impossível que continue a dar porque caso contrário seguiremos sendo os verdadeiros grunhos da Europa e qualquer dia até estaremos atrás da Albania.

Vem isto ao facto de Marcelo Rebelo de Sousa elogiar, na última quarta-feira, os especialistas angolanos que trabalharam na elaboração da nova Constituição, aprovada pela Assembleia Constituinte. Reconheça-se para quem saiu de uma tremenda guerra civil de há meia dúzia de anos, é louvável e significativo.

Sei perfeitamente que muitos vão continuar com a verborreia (aquela usual casta de jornalistas/comentadores bem nossa conhecida) de enjoativo ataque ao governo de Angola por questões de simples ressabiamento colonialista.
Mas que "aquilo" está a andar, disso não tenham dúvida e ainda bem, porque até nós cá no rectângulo da habitual confusão vamos (e estamos) seguramente ganhar com isso.

Pensem bem os que gostam de morder, se não o estarão a fazer na mão que um dia lhes poderá dar o pão!
A esses, por mim, nem uma côdea com bolor.
Bem podem morrer à fome!

sábado, fevereiro 06, 2010

Que aversão!!

Realmente é assustadora a actividade terrorista a que assistimos por parte de alguns indivíduos "jornalistas ou comentadores ou o diabo que os carregue" que utilizam com total irresponsabilidade o vergonhoso "à vontade" de caluniar seja quem for, mas acima de tudo um 1º Ministro eleito em duas eleições seguidas.

A baixa moral e o mau profissionalismo impõem uma regra de autêntica grunhice e "bota abaixo" por parte desta gente maldosamente demente e perigosa tal como o que aconteceu hoje com as declarações do senhor José Eduardo Moniz e do jornal O Sol.

Portugal fede com gente desta que tomou de assalto o poder das instituições a partir dos golpes baixos a que uma revolução de Abril abriu as portas.

O País cansa com gentalha como esta que utiliza os meios dos media para envenenar o ambiente já de si claustrofóbico, provocado pela janaria que lhes sai das bocas quando começam a falar e a mentir.

Já é demais que se ature gente desta que transformam conversas quase de alcova em questões meramente políticas pra obterem os favores de que se alimentam.
Vale tudo, mentir, espreitar, vilipendiar, ofender, ser-se papagaio, não ter vergonha na cara, vale tudo.
Terrorismo puro e duro!

Se o Governo faz, não devia fazer.
Se o Governo não faz, devia fazer!

Serão seguramente eles, entre outros, os culpados da degradação acelerada a que o País está a ser sujeito.
Vamos manter esta situação até à nossa completa destruição???

Espreitar pelo buraco da fechadura e fazer política com isso só está bem ao nível de quem atinge orgasmos ao vêr o que os outros fazem ou tentam fazer por completa impotência, incapacidade, maldade, manha e estupidez latente e histórica desta gente.

O quanto começo a odiar este País e esta gente, só eu sei e está a atingir o limite da tolerância!

Mas já nem um genuíno sentimento de ódio merece esta gente!

quinta-feira, fevereiro 04, 2010

Kavoshgar



Iran fires satellite carrier into space
Wed, 03 Feb 2010 08:08:46 GMT
Iran on Tuesday test-fired the Kavoshgar 3 satellite carrier, sending its third explorer — with living organisms onboard — into space.


E já vai no terceiro!
É assim.
Uns lá vão desenvolvendo tecnologias espaciais, embora algo ainda primárias e nada como os super desenvolvidos nestes meios espacias USA, Russia e China, mas lá vão.


Outros andam à nora depois de verificarem que até nas dívidas já estão piores do que os Gregos, de quem se disse cobras e lagartos!

Por cá fala-se e sempre se falou mais do aquilo que se devia fazer. É histórico. Dirão alguns que é "cultural".
Enfim; cada un tem aquilo que merece!

Entretanto o país dos Ayatollas lá se vai divertindo com tudo o que o rodeia e a gozar com esta amálgama de cretinices e hipocrisias que se chama Europa que é precisamente onde nós estamos.

Triste fado o nosso meus caros!

quarta-feira, fevereiro 03, 2010

Os lindos olhos da Rosa


Rosa Lobato Faria (1932-2010)
A actriz-escritora que cumpriu o seu sonho
Rosa Lobato Faria morreu ontem num hospital de Lisboa, uma semana depois de ter sido internada com uma anemia grave. Tinha 77 anos e a saúde fragilizada desde que, seis meses antes, uma infecção intestinal a obrigara a submeter-se a uma cirurgia.

in Público online de 3 de Fevereiro de 2010

Deixa-nos a saudade de uns olhos bonitos, de uma grande actriz Portuguesa de excelência e de uma linda cara de mulher.

Num País em fase de queda livre de degradação cultural (e não só), lá vamos perdendo parte do que melhor o nosso Património Humano em tempos possuiu.
Teremos nós merecido alguma vez pessoas como Rosa Lobato Faria.
Pessoalmente penso que não!
Aliás, não penso, tenho a certeza!

segunda-feira, fevereiro 01, 2010

Estava escrito!!!



Sindicato dos Jornalistas: conversa sobre Mário Crespo "é profundamente condenável"
01.02.2010 - 20:03 Por PÚBLICO
in Público online de 1/2/2010


Estava escrito!
Tinha de ser!
Voltaria a berraria e a algazarra dos jornalistas.


Alguns girinos tiveram de arranjar uma "saída" para por o maralhal defronte das TVI´s e das SIC´s.
Isto para subirem as audiências.
Está-se mesmo a ver que vai começar mais uma telenovela anti-Sócrates (as usual) com outra "corporação" sempre pronta a fazer-se de vítima neste País de muitas vítimas e poucos ou nenhuns responsáveis.

Vão aparecer comentários de exacerbado fervor profissional, acusações da mais baixa linguagem do riquíssimo vocabulário tuga/televisivo protagonizado por elequentes pivot´s da SIC e da TVI, tudo bem temperado com enjoativas e estapafúrdicas exigências de uma oposição amorfa e que só faz barulho (porque mais não tem para dizer).

Acima de tudo, vão-nos obrigar mais uma vez e durante uns bons 45 minutos a ver e ouvir os telejornais SIC e TVI comentando a "horrorosa ofensa que foram sujeitos os imparciais e sublimes jornalistas/comentadores portugueses".

Isto acontece numa fase branda dos noticiários porque alguns "jornalistas" já regressaram das férias no Haïti onde não há mais corpos dilacerados ou povo a chorar para um grande plano.

O habitual.
Já cá ando há muito tempo para conhecer a "música".

Vamos apostar que na próxima Quinta-feira 4 de Fevereiro, vai sair no Público um artigo deliciosamente inflamado de José Manuel Fernandes e da incorrigível Helena Matos a desancar Sócrates?
Eu cá aposto!

E note-se que gosto imenso de Mário Crespo!
Mas será que ele precisava desta "ajuda" dos Sindicato dos Jornalistas ou a razão é outra bem mais sarcástica?
Tudo bem lusitanas calhandrices, digo eu!

Iran! Green turns blue??

Neither our thoughts nor our doctrines nor our minds forces,
Neither our choices nor our words nor our deeds,
Neither our consciences nor our souls agree
Zoroaster



Green turns blue
Photo essay: Iranian flag shown with new color at official ceremony.
Has blue replaced green on the Iranian flag? At a ceremony introducing the new head of the Islamic Republic News Agency Wednesday, a large flag was digitally projected on the wall behind the speaker's podium.
in Iranian online 31/Jan/2010

Sadness surrounds myself for this unappropriated idea.
I remember with sympathy the last time (2007), when I saw every morning the Iranian flag in a official building in front of my apartment, close to Argentine Square during my temporary stay in Tehran, for business reasons.