"SE NÃO MORRERMOS BOMBARDEADOS PELAS CONSTANTES MENTIRAS DOS MEDIA, VAMOS MORRER NA IGNORÂNCIA DOS QUE OS ALIMENTAM".

segunda-feira, dezembro 15, 2008

Sem Glória



"¡Toma tu beso de despedida, pedazo de perro!".
Afirmação, ao mesmo tempo que atirava um sapato, de um jornalista Iraquiano durante a Conferência de Imprensa ontem em Bagdad
In El País de Dezembro 15, 2008

Aquilo que de bom ou mau se fizer, mais cedo ou mais tarde terá obrigatoriamente resultados directos nas nossas vidas.
Começou agora o grande Calvário de Bush a duas ou três semanas da sua saída da Casa Branca (finalmente).

Para além de responsável pela pior presidência dos Estados Unidos da América, foi-o também por uma série de medidas económicas que só demonstraram a monstruosidade de um sistema sem rosto, terrorista, desumano e apocalíptico; o denominado liberalismo de casino ou, sejamos mais concretos, o capitalismo!

Pode muito bem ir descansar para os seus ranchos no Texas com as suas reformas milionárias os seus cavalos, carros e demais bens de consumo!
Seguramente que em alturas da sua vida, talvez em momentos de solidão, sinta (sentirá??) que contribuiu para que hoje o Mundo e a Humanidade fossem mais violentes, perigosas e que o fosso entre uma minoria de ricos e a grande maioria de pobres e miseráveis fosse incomensuravelmente maior do que em qualquer momento da História.

Digamos em abono da verdade, de toda a verdade, que Bush para além de nos ensinar aquilo que jamais se pode fazer em vida, prestou-nos, como responsável da mais poderosa Nação do Mundo, um verdadeiro serviço de trampa!



Era bom que a Justiça, aquela que que não se "encolhe" perante o Direito, julgasse exemplarmente este senhor!
Mas provavelmente não.
Virar-se-á apenas mais uma página da História!
Daqui a umas dezenas de anos já ninguem se lembra da hecatombe humanitária que os povos atravessaram nos oito anos de Presidência de George W. Bush, o quadragésimo terceiro Presidente dos Estados Unidos da América, nação tão odiada mas também tão amada por todos nós.

Sem comentários: